God’s silence: The In-Beteween of His promises!

I think all of us already experienced frustration and lack of trust regarding of God’s silence! Or even  when we can’t really understand what He is doing at some point of our lives.

It is easy to get frustrated because we are, most of the time, impatient souls and we just want to things happens in our own ways, all the time!

When I got back home, after my first experience with God’s personal calling for me, I was overhelmed and relieved at the same time!

I had experienced incredible things but also difficult and disappointing things on this trip so I needed some time to process everything that happened there!

After a few months, I began to pray for a new direction! I thought I was ready for a new time of challenges, so I used to pray: Father, show me what to do now, show me where should I  go!

I was, after all, bored again! I did not want to be at home just “living a normal life” with my family, but God had different plans for me, so He made silence for (what would seemed like) a long time!

It took me a while to realize that I was not ready to leave again! God was working in my family and healing some deep wounds inside me. He was using my story and experience to inspire people around, but I did not realize it for several months.

Then, when I finally understood that God was preserving me from disappointment and hard times again, I felt relief! I began to see clearly: I was surrounded by people who, despite their problems and flaws, really cared about me!

And I needed to learn to see the opportunities that God was giving me to work for the kingdom in simple ways, like talking with people about my experiences, sharing hope!

So, I want you to consider this with me for a moment: When God is in silence, He is working some things in us, preparing us for the next season, working on our character and watching how we react when we don’t know what to do next! Will we continue to trust and seeking Him?!

I confess that sometimes I felt frustrated and angry because things did not go as I expected, but after all, I would run to Jesus again to weep,repent and wait for His will for my life.

I knew He had promises for me so, when I brought the memory of it in my mind, it helped me to keep walking on faith!

However, I need to tell you something: There are times when God will rebuke us for complaining too much and for not take some actions in our lives!

Once, He said to me: “You must stand and go for it, finish what You’ve started! What are you waiting?”

At that moment, I felt shocked and angry, but after a few hours  thinking about what He said, I began to understand that He was absolutely right(haha, of course) and He was being hard on me for my own good!

We can not just sit and weep and then expect that God will do everything for us!

So my advice for you today, if you are struggling with doubts and silence from God is: keep going! Do what you know that is right, what is already in your heart!

You will only see God moving when you take the first step and start walking in confidence! That’s faith, that’s trust in His love and plans for us! So, take a chance  and see what happens!

I know that we are facing hard times right now, the world is drenched in fear and doubt, but that is right time for us, as the body of Christ ,to use all the oportunities we have to discover, build and walk in our purpose!

Despite of not being able to walk around all the time like we used to, we still can practice our faith more than ever and help those who are around us to walk closer to God and have hope. Share your heart with them!

We can’t understand what God is doing right now, but the truth is, that no matter what happens, He never stops working on His plans for you and for His church! So it will, definetelly, be fulfilled, at the right moment!

 “24 For in this hope we were saved. But hope that is seen is no hope at all. Who hopes for what they already have? 25 But if we hope for what we do not yet have, we wait for it patiently.” Romans 8:24-25

********************************************************************************

Acho que todos nós já experimentamos frustração e falta de confiança em relação ao silêncio de Deus! Ou mesmo quando não conseguimos realmente entender o que Ele está fazendo em algum momento de nossas vidas.

É fácil ficar frustrado porque somos, na maioria das vezes, almas impacientes e só queremos que as coisas aconteçam do nosso jeito, o tempo todo!

Quando voltei para casa, após minha primeira experiência com o chamado pessoal de Deus por mim, fiquei super emocionada e aliviada ao mesmo tempo!

Depois de alguns meses, comecei a orar por uma nova direção! Eu pensei que eu estava pronta para uma nova temporada em campo, então eu costumava pedir a Deus: Pai, mostre-me o que fazer agora, mostre-me para onde ir!

A verdade é que eu estava entediada novamente, eu não queria estar em casa “ministrando” minha família, só que Deus queria algo diferente de mim, então Ele fez silêncio por (o que pareceu)  um longo tempo!

Eu demorei um pouco para entender que não estava pronta para sair de novo! Deus estava trabalhando na minha família e curando algumas feridas profundas dentro de mim. Ele estava usando minha história e experiência para inspirar as pessoas ao redor, mas não consegui perceber isso por vários meses.

Então, quando eu  finalmente entendi que Deus estava me preservando de tempos difíceis novamente, senti alívio! Comecei a enxergar com clareza: eu estava cercada de pessoas que, apesar de seus problemas e falhas, realmente se importavam comigo! E eu precisava enxergar as oportunidades que Deus estava me dando para trabalhar pelo reino de maneiras simples, como contar às pessoas a minha história!

O que eu quero mostrar com tudo isso é: quando Deus fica em silêncio, Ele quer algumas coisas de nós, como por exemplo: nos preparar para a próxima temporada, trabalhar em nosso caráter e ver como reagimos quando  não sabemos o que fazer! Será que vamos continuar confiando e buscando-o?

Eu confesso que, às vezes me senti frustrada e com raiva porque as coisas não correram como eu esperava, mas depois de tudo eu corria para Jesus novamente, para chorar e esperar que Sua vontade se cumprisse em minha vida.

Eu sabia que Ele tinha( e tem!) promessas para mim, então a lembrança disso me ajudou a continuar acreditando!

Mas eu tenho que contar: Em alguns momentos, Deus vai nos repreender por reclamar demais e por não  tomar algumas iniciativas na nossa vida!

Certa vez, Ele me disse: “Você precisa agir, termine o que você começou, por que você ainda tá esperando?

Naquele momento, fiquei chocada e brava, mas depois de algumas horas refletindo, eu comecei a entender que, Ele estava absolutamente certo e estava sendo duro comigo para o meu próprio bem! Não podemos simplesmente sentar e chorar e depois esperar que Deus faça todo o resto!

Então meu conselho para você que está lutando com dúvidas e com o silêncio de Deus é: Continue CAMINHANDO! Corra alguns riscos (Deus sempre me diz isso!) Você só verá Ele se movendo quando der o primeiro passo e começar a andar! Isso é fé, isso é confiar em Seu amor e planos para nós!

Sei que estamos enfrentando tempos difíceis agora, o mundo está encharcado de medo e dúvida, mas é o momento certo para nós, como corpo de Cristo, usar todas as oportunidades que temos para descobrir, construir e andar em nosso propósito. !

Apesar de não sermos capazes de andar o tempo todo por aí, como estávamos acostumados, ainda assim podemos praticar nossa fé mais do que nunca e ajudar aqueles que estão ao nosso redor a se aproximarem de Deus e a terem esperança. Compartilhe seu coração com eles!

Não podemos entender o que Deus está fazendo agora, mas a verdade é que, não importa o que aconteça, Ele nunca pára de trabalhar nos Seus planos para nós e para a Sua  igreja! Então, definitivamente, ele será realizado, no momento certo!

Apenas siga em frente e veja o que acontece!

Pois nessa esperança fomos salvos. Mas, esperança que se vê não é esperança. Quem espera por aquilo que está vendo?
Mas se esperamos o que ainda não vemos, aguardamo-lo pacientemente.” Romanos 8:24-25

“Eu olhei a tristeza nos olhos e sorri….”

(Expectativas, ansiedade, vontade de Deus e o silêncio…)

Faz 3 meses que eu voltei de umas das experiências mais incríveis e desafiadoras  da minha vida (e eu tô numa ansiedade só!)

Depois de passar 5 meses focando no propósito de Deus ,aprendendo a ouvir a Sua voz, interagindo com Ele e a entendendo a Sua vontade; depois de ser desafiada a me deixar moldar pela identidade de Cristo e claro, falhar inúmeras vezes nesse processo, agora eu enfrento outra luta: esperar em Deus, até que ele revele sua vontade e direção.

Eu tenho “complexo de Marta” (inventei isso agora!), ou seja, eu preciso estar sempre fazendo alguma coisa, para me sentir útil e para sentir que eu to no caminho certo! Descansar e esperar nunca foram meus pontos fortes, fazer isso em Deus então, nem se fala!

Depois de viver experiências intensas, boas e ruins, durante esse período em que eu passei no DTS (Discipleship Training School- uma escola de treinamento de discipulado e missões), que me fizeram crescer e também analisar muitas coisas sobre mim mesma e minha identidade, eu entrei numa fase que é como “estar de molho”.

Eu não sei se Deus me deu esse tempo para refletir e me curar, de algumas coisas que aconteceram ou se foi para me aprofundar em intimidade com Ele e também para “descansar” até que a próxima fase venha ( acho que na verdade, é tudo isso junto) ou se,na verdade, eu já to meio perdida mesmo!rs

O fato é que, não saber o que eu devo fazer agora e ter que esperar, às vezes, me tira do sério! Eu sei que, de certa forma, Jesus esta me dando uma oportunidade de simplesmente me sentar aos seus pés e aproveitar de sua companhia,ouvir sua voz. Mas, ao invés de ser Maria, e aceitar essa oportunidade com alegria, eu muitas vezes me sinto mais como Marta, e quero focar em FAZER, ao invés de SER.

Por outro lado, eu entendo que firmar os alicerces é a parte mais importante de toda a construção, e eu sinto que Deus esta fazendo isso comigo,nesse momento.  Ele tem me dado o tempo e a oportunidade de simplesmente descansar e passar mais tempo com Ele e, eu, na maior parte do tempo, aprecio isso. Mas tem dias que eu simplesmente quero surtar!

Eu vejo todas as pessoas que estão trabalhando no seu propósito e estão “em evidência” e, às vezes, me bate uma insatisfação sabe? Porque eu queria estar lá! Eu queria estar fazendo algo de útil ao invés de estar “só” passando tempo com Deus!

Mas eu sei que, construir meus alicerces e uma identidade firmada em Cristo é fundamental pra tudo que eu quiser realizar, eu sei disso! Mas, em diversas ocasiões, me faltam paciência e gratidão para passar por esse processo. É difícil!

Contudo, no fim do dia, o que me resta é me prostrar aos pés de Jesus e pedir perdão por ter um coração tão falho e um ego tão insolente, que quer sempre dar as ordens, ao invés de se submeter.

Mas eu não desisto, coloco minha fé e minha identidade sob a autoridade de Cristo. A caminhada continua….

“Qualquer que vem a mim e ouve as minhas palavras, e as observa, eu vos mostrarei a quem é semelhante:
É semelhante ao homem que edificou uma casa, e cavou, e abriu bem fundo, e pôs os alicerces sobre a rocha; e, vindo a enchente, bateu com ímpeto a corrente naquela casa, e não a pôde abalar, porque estava fundada sobre a rocha.
Mas o que ouve e não pratica é semelhante ao homem que edificou uma casa sobre terra, sem alicerces, na qual bateu com ímpeto a corrente, e logo caiu; e foi grande a ruína daquela casa.” Lucas 6:47,48,49

Música do título: ” 17 de janeiro” Os Arrais
********************************************************************************
Expectations, anxiety, God’s will and silence: the perfect recipe to freak out! lol

It’s been 3 months since I came back from one of the most incredible and challenging experiences of my life (and I am feeling sad about it!)

After spending 5 months focusing on God’s purpose, learning to listen to His voice, to interact with Him and to understand His will; after being challenged to let myself be molded by the identity of Christ and of course, failing countless times in this process, I now face another kind of struggle: wait on God, until he reveals his will and direction to me.

I have “Martha’s complex” (I made it up,just now!lol), in other words, I need to be always doing something, to feel useful and to feel that I’m on the right track! To rest and to wait have never been my strengths, not to mention to do this, based on God!

After I lived theses intense experiences, good and bad, during that time I spent at DTS (Discipleship Training School), which made me grow up and also analyze many things about myself and my identity, now I am going into a “activity restriction” phase.

I do not know if God has given me this time to reflect and heal myself, of some things that have happened on DTS, or to go  deeper in intimacy with Him and also to “rest” until the next phase comes (I think in fact, is all this together ) or if, in fact, I’m really lost now!

The thing is, not knowing what I should do now and having to wait, sometimes makes me freak out! I know that, somehow, Jesus is giving me an opportunity to simply sit at his feet, enjoy his company and hear his voice. But instead of being Mary, and accept this opportunity gratefully, I often feel more like Martha,anxious, and I want to focus on DOING, instead of BEING.

On the other hand, I understand that laying the foundations is the most important part of the whole construction, and I feel God is doing this to me at this point. He has given me an opportunity to simply rest and spend more time with Him, and, most of the time, I appreciate it. But there are days that I just want to burst!

I see all these people who are working on their purpose and are “in evidence”, and sometimes it hits me and I feel uncomfortable, you know? Because I want to be there! I want to do something useful instead of being “just” spending time with God!

But I know that, building my foundations and an identity established in Christ, is the most important thing to do for everything I want to accomplish, I know that! But I often lack the patience and gratitude to go through this process. It’s hard.

In the end of the day, all I have to do is to prostrate myself at the feet of Jesus and ask for forgiveness for having such a flawed heart and such an insolent ego that always wants to give orders instead of submitting. But I do not give up; I place my faith and my identity under the authority of Christ. And I move on…

47.”As for everyone who comes to me and hears my words and puts them into practice, I will show you what they are like. 48They are like a man building a house, who dug down deep and laid the foundation on rock. When a flood came, the torrent struck that house but could not shake it, because it was well built. 49 But the one who hears my words and does not put them into practice is like a man who built a house on the ground without a foundation. The moment the torrent struck that house, it collapsed and its destruction was complete.” Luke 6:47-49