Building intimacy!

 For now we see only a reflection as in a mirror; then we shall see face to face. Now I know in part; then I shall know fully, even as I am fully known.”

1 Conrinthians 13:12

According to the dictionary definition, intimacy is “a situation in which you have a close friendship or sexual relationship with someone”. Words like “friendly” and “togetherness” can be used as a synonymous to intimacy.

I really think that the world gives a poor definition to that word!

The God’s view is greater than that and can see this through the whole history He wrote together with His people!

In Genesis we see that, after God created man and woman in His own image. He would visit them everyday, just to hear how they were doing, spend some time with His new family!

We were created to have close relationships, that is a fact! However, the development and understanding of intimacy these days are really misconcepted!

In God’s view intimacy means to be ONE with another person! Like when He created man and woman and stablish a relationship where both would live as one: One goal, one heart,one direction: toward God!

We also were created to be one with Him! He knows us better than anyone! He feels what we are feeling. He knows our struggles, fears and deepest DREAMS.

While the world may define intimacy just as sexual relationship or a close friendship between two people, God wants that we breath His presence and think His thoughts, keeping His presence inside of our hearts!

Tha’ts why the covenant of marriage is so important to God! He stablished this kind of connection as a SYMBOL to what looks like be ONE WITH HIM!

Our culture says the marriage is a failed institution or that it’s just a old fashioned practice. We are living in a generation that have fear of commitment and are used to get fast responses for their needs! That’s why when they don’t get it, they become frustrated and commitment is more and more undervalueted!

No one seems to want to put some effort in relationships and build something SOLID. Something that will grow and RESIST through the time and bad wheater!

People jump into relationships all the time for the wrong reasons, expecting to have the BEST version of a person, instead of being their BETTER version! People jump in to get, not to give and that is the biggest problem!

The best relationship are those where you get in to SERVE, not to be served! I had a long bad season till I could learn it! I was used to stablish relationships only to get my best interests, giving just a little or even nothing to the other person!

Being selfish in a relationship may seem secure for a while: You stay in a “safe” distance emotionally, not getting too involved, because you are afraid to trust and be vulnerable. At least this is what I used to do! And it worked for a while.

The thing is when you act like this, you can never be your trully self and you will never develop something deep and solid enough to grow stronger. People, eventually, just get tired of games! Andwe get tired of faking that we don’t care.

Only when I decided to give a chance to open my heart and be healed of those wounds and behavior and know the true INTIMACY with my Creator, that things started to change for me!

Through a long and tough path, I found out that be vulnerable is not that bad and, in fact, be honest with me and others is much more easy than fake a “distant attitude” all the time!

I am learning to enjoy the beauty of building health and genuine relationship with people! In that was only possible for me, because I decided to build a strong relationship with God first, and hear from Him WHO I REALLY AM!

Intimacy involves COURAGE to be open to great experiences and also to some big disappointments, cause that is part of real life.

People will come and go of our lives, some of them will leave a GOOD MEMORY and happy feelings and some of them will let some scars in our hearts! Deal with it.

The good news are: There is ONE PERSON who will never leave you, never let you down: The one who created you to be loved and LOVES YOU no matter what happens. Your Father and best friend! Rejoice in that truth =)

Give your HEART to Him, with all the wounds,bad memories and disappointments and watch Him change your life completely, healing you, inside out!

He is at one step from you, just SAY YES! BE BRAVE to be vulnerable and start to build this relationship. He will never let you down!

That is all for today folks, have a nice week!

*************************************************************************

CONSTRUINDO INTIMIDADE ATRAVÉS DO RELACIONAMENTO:

INTIMIDADE: “Caráter do que é íntimo, secreto. Amizade íntima; em que há muita proximidade: viver na intimidade de alguém.” Intimidade é sinônimo de: familiaridadeprivançaconfortoconfiançaamizade.

Apesar de ter vários significados, a intimidade como entendemos culturalmente, geralmente é algo mais pobre ou deturpado do que deveria ser na prática!

Falamos de intimidade nos referindo a uma amizade mais próxima ou nos referindo “a ter intimidade” no sentido sexual, entre duas pessoas.

Eu realmente acho que nossa cultura dá uma definição BEM limitada para essa palavra!

A visão de Deus é bem mais ampla do que isso e podemos ver isso por toda a história que Ele escreveu, desde que o mundo é mundo!

Em Gênesis, vemos que, depois que Deus criou o homem e a mulher à Sua própria imagem, Ele os visitava todos os dias, apenas para ouvir como eles estavam, conversar com eles e passar algum tempo com Sua nova família!

Fomos criados para ter relacionamentos íntimos, isso é fato! No entanto, a construção da intimidade nos relacionamentos de hoje em dia é, na maioria das vezes, bem equivocada!


Na visão de Deus, intimidade significa ser UM com outra pessoa! Como quando Ele criou homem e mulher e estabeleceu um relacionamento em que ambos viveriam como um: Um objetivo, um coração, uma direção: em direção a Deus!


Também fomos criados para ser um com Ele! Ele nos conhece melhor do que ninguém! Ele sente o que estamos sentindo, conhece nossas lutas, medos e sonhos mais profundos.

Embora o mundo possa definir intimidade como relação sexual ou amizade mais próxima entre duas pessoas, Deus quer que vejamos a intimidade em outro nível! Respirando Sua presença e pensando Seus pensamentos, mantendo Sua presença constantemente dentro de nós!


É por isso que a aliança do casamento é tão importante para Deus! Ele estabeleceu esse tipo de conexão como um SÍMBOLO para o que significa ser UM COM ELE!

Nossa cultura diz que o casamento é uma instituição falida ou que é apenas uma prática antiquada. Estamos vivendo em meio a uma geração que tem medo de compromisso e é acostumada a ter respostas rápidas às suas necessidades! Por isso, quando não conseguem, ficam frustrados e o comprometimento é cada vez mais subvalorizado!

Parece que ninguém mais quer se esforçar nos relacionamentos para criar algo SÓLIDO. Algo que crescerá e RESISTIRÁ a passagem do tempo e ao mau tempo!

As pessoas entram em relacionamentos o tempo todo pelas razões erradas, esperando ter a melhor versão de uma pessoa, em vez de serem elas mesmas a sua melhor versão! As pessoas entram não para OFERECER algo de valor, mas para RECBER, e esse é o verdadeiro problema!

O melhor relacionamento é aquele em que você entra para SERVIR, não para ser servido! Eu tive que passar por um longo período realmente difícil até que eu pudesse aprender isso! Eu estava acostumada a estabelecer relacionamentos apenas para suprir meus próprios interesses, dando apenas um pouco ou nada à outra pessoa!


Ser egoísta em um relacionamento pode parecer seguro por um tempo: Você fica a uma distância “segura” emocionalmente, sem se envolver demais, porque tem medo de confiar e ser vulnerável. Pelo menos é o que eu costumava fazer! E funcionou por um tempo.

O problema é que, quando você age assim, você nunca pode ser você mesmo e, consequentemente, nunca desenvolverá algo profundo e sólido o suficiente para se fortalecer. As pessoas acabam se cansando dos joguinhos psicológicos! E nós nos cansamos de fingir que não nos importamos.

Somente quando eu decidi dar uma chance de abrir meu coração e ser curada dessas feridas e comportamentos, conhecendo a verdadeira INTIMIDADE com meu Criador, é que as coisas começaram a mudar para mim!

Por um caminho longo e difícil, eu descobri que ser vulnerável não é tão ruim e, de fato, ser honesta comigo e com os outros é muito mais fácil do que fingir uma “atitude distante” o tempo todo!

Estou aprendendo a apreciar a beleza de construir relacionamentos saudáveis e genuínos com as pessoas! Isso só foi possível para mim, porque eu decidi construir um relacionamento sólido com Deus primeiro, e ouvir dEle quem eu realmente sou!

A intimidade envolve CORAGEM para ser vulnerável, estar aberto a grandes experiências e também a algumas boas decepções, porque isso faz parte da vida real.

As pessoas vêm e vão da nossa vida, algumas delas deixam uma BOAS LEMBRANÇAS e sentimentos felizes e outras deixam algumas cicatrizes em nossos corações! Lide com isso.

As boas notícias são: há UMA PESSOA que nunca te abandona, nunca te decepcionará: Aquele que criou você para ser amado e TE AMA, não importa o que aconteça. Seu Pai e melhor amigo! Regozije-se com essa verdade =)

Dê seu coração a Ele, com todas as feridas, más lembranças e decepções e observe-o mudar sua vida completamente, curando você, de dentro para fora!

Ele está a um passo de você, apenas diga sim! Tenha coragem de ser vulnerável e comece a construir esse relacionamento. Você não vai se arrepender!

Reflita sobre isso e tenha uma boa semana! =)

Are you walking alone?!

Hello friends!

Thinking about how this scenario of uncertainty and fear changed our whole life and perspective, I decided to share about loneliness and why we should not walk alone, specially through the hard times of our lives.

This week I was talking to a friend and, she don’t live in my city so we did not talk daily but, every time I can, I check her out to see how things are going and we hang for a while by messages (or skype)!

Anyway, something that she said made me stop to reflect and adjust my perpsective for the days to come: “I am walking alone!( I have no one to share my burdens)”

Of course that she has family and friends, but I understood what she was saying: I have no one to walk with me, daily.

I think that is a big issue for most of us, even for the ones who call themselves christians and have a comunity that shares the same beliefs and values! (like me and maybe you)

People are struggling with loneliness and lack of confidence to share their problens and burdens! Why this is happening?

I will risk to say that we are, most of the time, too focused in our own problens and routine to stop for a moment and take a good look around!( I am included)

We have this tendency of stop looking to ourselves only when we need someone, some favor or something at some point, but not very often to look around and offer some help!

Life is hard and, the more we build a wall around us, either out of fear or selfishness, more lonely we will grow and the fact is: Everyone needs some help and support in their lives!

Relationships can be trick, I know! Sometimes we get disappointed and frustrated because things did not go as we imagine and then we give up on people, we give up of trying!

For a long time I lived with a wall of indifference around me! I decided that I would not care about people anymore. I was tired of ressentment and disappointment, so I decided that I would live only for myself.

I have to tell you if you don’t know that yet: It is impossible to live a healthy life pushing everyone away! It is a unsustainable lifestyle.

I had to learn in a hard way that, despite of my bad experiences trusting people, I could not live in a better way, without giving people a chance to get closer, a chance for trusting.

I carry a lot of scars in my heart from the past, but Jesus helped me to overcome my fears and He taught me how to forgive and move on!

What once was wounds that I wanted to hide, today are marks that I am proud of, because it reminds me that I won the battle, I let the heal come in!

Deal with some kind of people will always be hard, but remenber that a “rival” can reveal a version of you that your friend could never make you see! And despite of the rivals, there are aways good people out there, waiting for a chance to know you!

I am learning to build a healthy support system! Developing my ability to trust and also to be kind and helpful! Building good relationships requires time and some work, but is totally worth it!

Surround yourself with people (spiritually and psychologically) healthier than you, people who are ahead of you in the journey and can help you to see beyond and teach you some helpful things! (And remember that you can also be this person for someone else).

On the other hand, if you are feeding a nocive relationship, maybe it is time to step back and take a time away from that person! Only you can analyze your own situation and decide to move on. But it’s never too late.

I hope it help you to look through a different perspective to people! There is always a chance to start to build something good, something new!

Give you a chance to try!

Have a nice day people! See you soon =)

VOCÊ ESTÁ CAMINHANDO SOZINHO?!

Olá amigos!

Pensando em como esse cenário de incerteza e medo mudou toda a nossa vida e perspectiva, decidi compartilhar um pouco sobre a solidão e por que não devemos andar sozinhos, principalmente nos momentos difíceis das nossas vidas.

Essa semana eu estava conversando com uma amiga e, c ela não mora na minha cidade, nós não conversamos diariamente, mas, toda vez que posso, eu entro em contato, para ver como estão as coisas e ficamos um tempo conversando por mensagens ( ou por Skype)!

Enfim, algo que ela disse me fez parar para refletir e ajustar minha percepção para os dias que estão por vir: “Estou andando sozinha! (Não tenho ninguém para compartilhar meus fardos)”

Claro que ela tem família e amigos, mas eu entendi o que ela estava dizendo: Não tenho ninguém para caminhar comigo diariamente.

Eu acho que esse é um grande problema para a maioria de nós, mesmo para aqueles que se dizem cristãos e têm uma comunidade que compartilha as mesmas crenças e valores! (como eu e talvez você)

As pessoas estão lutando com a solidão e a falta de confiança para compartilhar seus problemas e fardos! Por que será que isso está acontecendo?

Arriscarei dizer que, na maioria das vezes, estamos muito focados em nossos próprios problemas e rotina para parar por um momento e dar uma boa olhada ao redor! (Estou incluída nessa)

Temos a tendência de parar de olhar para nós mesmos apenas quando precisamos de alguém, algum favor ou alguma coisa em algum momento, mas não com muita frequência para olhar em volta e oferecer ajuda!

A vida é dura e, quanto mais construímos um muro à nossa volta, por medo ou egoísmo, mais solitários vamos crescer e o fato é: Todo mundo precisa de ajuda e apoio na vida!

Relacionamentos podem ser traiçoeiros, eu sei! Às vezes, ficamos desapontados e frustrados porque as coisas não correram como imaginávamos e por isso, desistimos das pessoas, desistimos de tentar!

Por muito tempo eu vivi com um muro de indiferença ao meu redor! Eu decidi que não me importaria mais com as pessoas. Eu estava cansada de tanto ressentimento e decepção, então decidi que viveria apenas para mim.

Tenho que lhe dizer se você ainda não sabe disso: É impossível viver uma vida saudável afastando todo mundo! É um estilo de vida insustentável.

Eu tive que aprender de uma maneira difícil que, apesar das minhas experiências ruins tentando confiar nas pessoas, eu não poderia viver de uma maneira melhor, sem dar às pessoas a chance de se aproximar, a chance de se provarem confiáveis.

Eu carrego muitas cicatrizes do passado no coração, mas Jesus me ajudou a superar meus medos e Ele me ensinou como perdoar e seguir em frente!

O que antes eram feridas que eu queria esconder, hoje são marcas das quais eu me orgulho, porque me lembra que venci a batalha, eu deixei a cura entrar!

Lidar com certos tipos de pessoa sempre será difícil, mas lembre-se de que um “rival” pode revelar uma versão sua que seu amigo nunca poderia fazer você ver!

E apesar dos rivais, sempre existem pessoas boas por aí, esperando por uma chance de conhecê-lo!

Estou aprendendo a construir um sistema de apoio saudável! Desenvolvendo minha capacidade de confiar e também de ser gentil e prestativa! Construir bons relacionamentos requer tempo e algum trabalho, mas vale totalmente a pena!

Cerque-se de pessoas (espiritual e psicologicamente) mais saudáveis ​​que você, pessoas que estão à sua frente na jornada e podem ajudá-lo a enxergar além e te ensinar algumas coisas úteis! (E lembre-se de que você também pode ser essa pessoa para alguém).

Por outro lado, se você está alimentando um relacionamento nocivo, talvez seja hora de dar um passo atrás e se afastar dessa pessoa! Somente você pode analisar sua própria situação e decidir seguir em outra direção. Mas nunca é tarde demais.

Espero que isso ajude você a olhar através de uma perspectiva diferente para as pessoas! Sempre há uma chance de começar a construir algo bom, algo novo!

Se dê uma chance!

Tenham um bom dia pessoal! Até breve =)

“My confort in my suffering is this: Your promise preserves my life!”

[Picture: Pokhara-Nepal]

Hello!

It’s really funny how things happen in life,right?

Sometimes we are surprised by experiences we did not expect and sometimes we are frustrated because things were not as we imagined and we become discouraged in our walk.

Strolling through the instagram I could realize that when we start looking around, our life may seem stuck or even bland!

I am going through a phase without many surprises in my life and sometimes it knocks me down.

But then, I remember that He, who is in control of everything has plans and thoughts higher than mine, that He has thoughts of good and not of evil about me and that, moreover, He never leaves an unfinished work.

What a relief! These truths really comfort me. For there I remember, as it says in Hebrews, that God is the builder of all and we are the house where His Spirit dwells!

Like all well-built buildings, the house begins with its foundations, which is the part that nobody sees, but that makes all the difference in construction, bringing security and stability to support diversities, such as bad weather.

God builds us on His rock, which is Jesus Christ, the word that became flesh!

Why am I wandering in this house’ analogy? To remind myself and to remind you that no matter how long it takes for the building to be finished, the most important part are our foundations, established through our struggles and supported by faith.

Faith that promotes our RELATIONSHIP with God and allows us to bear the trials. Without this, all the construction is a beautiful façade, but completely unstable and consequently useless!

If you, like me, sometimes feel forgotten by the eyes of God, while others are in evidence, working on their purposes and you do not even know where to go, remember: all those who are edified in Christ had to pass by this process, which involves pain, frustration, and patience.

Do not despair, your time will come! Acept and love your processes, for without them you would not be able to stand firm in challenging situations, that will come for sure!

God is a demanding builder, every detail matters and believe in Him, will be worth it!

One day you will look back and you’ll be proud of your “deserts roads”, of those moments that God remained in silence, in which apparently nothing was happening, but in fact He was working all the time in your foundations, in the depths of your soul, so that nothing passed by unnoticed by the divine “quality control” lol

Trust in the processes of God and love your seasons, each of them teaches and builds something unique, nothing is in vain. And as I heard these days, during a lecture: “God does not have trash can”.

He will make of every failure, every pain and every overcoming a important part of His masterpiece!

*********************************

Faz tempo que não escrevo aqui e estava com saudades de devanear um pouco rs.
É engraçado como as coisas acontecem na vida. Às vezes somos surpreendidos com experiências incríveis que não imaginávamos e, às vezes, somos frustrados porque as coisas não foram como imaginamos e então, nos pegamos desanimados na nossa caminhada.

Passeando pelo Instagram eu pude perceber que quando começamos a olhar ao redor, a nossa vida pode parecer parada ou até mesmo sem graça, não é?!

Eu tenho passado por uma fase sem muitas surpresas na minha vida e isso, às vezes, me deixa pra baixo.

Mas aí, eu me lembro que Aquele que esta no controle de tudo, tem planos e pensamentos mais altos que o meu, que Ele tem pensamentos de bem e não de mal a meu respeito e que, além de tudo, Ele nunca deixa uma obra inacabada.

Ufa! Essas verdades realmente me confortam. Na palavra eu me deparo com essas inúmeras consolações, como em Hebreus, que diz que Deus é o edificador de tudo e nós somos a casa aonde o Seu Espírito habita!

Como toda construção bem edificada, a casa começa pelos seus alicerces, que é a parte que ninguém enxerga, mas que faz toda a diferença na construção, trazendo segurança e estabilidade para suportar as diversidades, como o mal tempo.

Deus nos edifica sobre Sua rocha, que é Jesus, a palavra que se fez carne. É através dele que podemos todas as coisas!

Mas por que eu tô viajando nessa analogia de casa? Pra me lembrar e te lembrar que não importa quanto tempo demore para que a construção seja edificada.

A parte mais importante é a que ninguém vê: são os nossos alicerces, firmados através da provação , que é sustentada pela nossa fé. É a fé promove nosso RELACIONAMENTO com Deus e nos permite atravessar as dificuldades.

Sem isso toda construção não passaria de uma fachada bonita, porém, completamente instável e consequentemente, inútil!

Se você, como eu, às vezes se sente esquecido ao olhos de Deus enquanto outros estão em evidência, trabalhando em seus propósitos e você nem se quer sabe em que direção seguir, lembre-se: todos os que estão edificados em Cristo tiveram que passar por esse processo, que envolve dor, frustração e paciência.

Não se desespere, sua hora vai chegar! Suporte e ame seus processos, pois sem eles você não seria capaz de se manter em pé em situações desafiadoras, que ainda virão!
Deus é um construtor exigente, cada detalhe importa e acredite, vai valer a pena!

Um dia você vai olhar pra trás e vai se orgulhar dos seus “desertos”, dos momentos de silêncio de Deus, em que aparentemente nada estava acontecendo, mas na verdade Ele estava o tempo todo trabalhando nas suas fundações, no íntimo da sua alma, pra que nada passasse despercebido pelo “controle de qualidade” divino rs

Confie nos processos de Deus e ame suas temporadas, cada uma delas ensina e constrói algo único, nada é por acaso. E como eu ouvi esses dias, durante um seminário: “Deus não tem lata de lixo”.

Ele fará de cada falha, cada dor e cada superação uma peça da sua obra de arte!

*******************************

!

Cristianismo: fé, religião, propósito e o custo.

Eu estava aqui passeando por textos do wordpress e me deparei com um texto,  na verdade é uma entrevista, sobre uma mulher que  costumava ser “cristã”, abandonou sua fé e resolveu escrever um livro de ficção que foi inspirado no que ela chama de “experiências religiosas”.

Lendo a entrevista dessa mulher, fiquei bem tocada com a forma como ela relata sua visão do cristianismo, dizendo que era apaixonada por Deus, mas que com o tempo perdeu sua fé, e mesmo sentindo falta desse tempo, afirmou que nunca poderia voltar a acreditar no que um dia ela acreditou.

Em uma das perguntas da entrevista ela deixa claro que a religião pode se tornar uma coisa perigosa, porque as pessoas fazem o mal achando que estão fazendo o bem (no livro, ela cria um romance entre uma estudante e um fanático religioso, que acaba se revelando um terrorista).

E por fim, ela diz que largou o cristianismo porque, lendo vários livros, ela chegou à conclusão de que havia muitas outras formas de fé, e que era IMPOSSÍVEL que só a dela estivesse certa.

Confesso que ler esse texto me deixou um tanto chateada! Quando se é cristão, você consegue pensar em várias razões para essa mulher ter desistido, afinal, ser cristão não é uma escolha fácil. Mas se você é um cético, ao ler esse relato, provavelmente o pensamento vai ser “mais uma que descobriu que o cristianismo (ou a religião) é uma farsa!”.

Quantas pessoas já se “encantaram” pelo cristianismo e ao longo do caminho, desistiram porque, afinal, não era uma opção que satisfazia todas as suas expectativas?

E, esses dias, eu estava mesmo pensando sobre isso: por que as pessoas se tornam cristãs? E por que algumas abandonam sua fé no meio do caminho, depois de algumas dificuldades?

Eu creio que, muitas pessoas optam por essa “religião” porque buscam uma saída para os seus problemas e frustrações. Mas o que elas não percebem é que, o COMPROMETIMENTO e a CLAREZA do que significa andar com Jesus, são essenciais para que elas permaneçam nesse caminho.

O cristianismo não era pra ser uma religião, porque se fosse, realmente não faria sentido ser o único caminho, existem inúmeras religiões. Mas o cristianismo foi o caminho aberto por Jesus, para reconciliar-nos com Deus, através de um sacrifício de amor, que envolveu seu próprio sangue.

O cristianismo é a revelação do propósito de Deus pra humanidade,  a chave que abre a porta estreita. Mas essa porta, poucos conseguem atravessar. A maioria desiste nos primeiros obstáculos dessa trilha desafiadora.

Como eu li no livro O evangelho maltrapilho: “o cristianismo não é flutuar numa nuvem cor-de-rosa de milagres!”

E fazendo um paralelo, eu acho que, o motivo pelo qual as pessoas desistem do cristianismo é o mesmo motivo pelo qual elas desistem do casamento ou de qualquer relacionamento que envolve comprometimento: 1.elas não tem definido um propósito e, 2. elas não calcularam o custo para se atingir esse propósito.

No início de um casamento, assim como no início da caminhada com Jesus, tudo pode parecer lindo e fácil. Você é movido pelas SENSAÇÕES que esse relacionamento te proporciona. Você coloca todas as SUAS expectativas nesse relacionamento, sem fazer algumas perguntas razoáveis.

Só que a sensação inicial passa, os sentimentos mudam e quando as dificuldades começam a aparecer você percebe: você entrou nessa pelos MOTIVOS ERRADOS. E por isso, o que antes parecia tão incrível e interessante, agora já não tem o mesmo efeito sobre você.

Muitas pessoas buscam no cristianismo  uma resolução mágica para os seus problemas, serem anestesiadas pelas sensações que certas experiências podem proporcionar ou talvez  uma recompensa pela postura “correta” que elas resolvem adotar (por si mesmas). Resumindo: por puro egocentrismo.

Jesus mesmo disse  que deveríamos calcular o custo antes de começar, assim como um homem que  calcula se terá dinheiro suficiente para terminar a torre que quer construir,antes de começar! Do contrário, desistirá na metade e virará motivo de piada.

E, é exatamente isso que o cristianismo se tornou: motivo de piada e descredibilidade, justamente porque muitos entraram nessa empreitada sem calcular o custo.

O real motivo de entrarmos nesse barco deveria ser Jesus e tudo que ele fez por nós. E se, a vida dele em nenhum momento foi fácil, por que achamos que a nossa  será?

A felicidade de nascer de novo e de se tornar quem Deus nos fez pra ser é inimaginável! Assim como saber que um dia estaremos com ele. Mas ninguém disse que seria fácil, muito pelo contrário, Jesus nos avisou: “ quem quiser vir após mim que pegue a sua cruz e siga-me”.

*****************************************************************************

Christianity: faith, religion, purpose and the real cost:

I was looking through some wordpress texts and I came across a text, which is actually an interview, about a woman, a writer, who used to be “Christian”. She abandoned her faith and decided to write a book of fiction that was inspired by what she calls “religious experiences”.

Reading the interview of this woman, I was very touched by the way she reports her vision of Christianity, saying that she was in love with God, but that in some point she lost her faith, and even though she missed it, she said she could never believe again in what one day she believed.

In one of the questions she makes it clear:  religion can become a dangerous thing because people do evil things by thinking they are doing good (In the book, she writes a romance between a student and a religious fanatic, who ends up revealing himself as a terrorist).

And finally, she says, she quit Christianity because, after she read several books (she does not specifies which kind of books), she got the conclusion that there were many other forms of faith and that it was IMPOSSIBLE that only hers was right.

I confess that reading this text made me a little upset! When you are a Christian, you can think about some reasons for this woman gave it up, after all, being a Christian is not an easy choice. But if you are a skeptic, reading this kind of thought, you probably will think “one more that has discovered that Christianity (or religion) is a mistake!”.

How many people were already attracted by Christianity and along the way gave up because it was not an option that fulfills  their expectations?

And these days I was thinking about it: why do people become Christians? And why do some abandon their faith in the middle of the road, after some difficulties?

I believe that many people choose this “religion” seeking a way out of their problems and frustrations, but what they do not realize is that the COMMITMENT and clarity of what it means to walk with Jesus is essential for them to remain.

Christianity was not supposed to be a religion, because if it were, it really would not make sense to be the only way, there are countless religions. But Christianity is the way opened by Jesus, to reconcile us to God, through a sacrifice of love, by His blood.

Christianuty is the revealing of God´s purpose to humanity, is the key that opens the narrow door.  And that’s why few can stay, they misunderstood the real deal! And so they give up in the firsts hurdles of this challenging path.

As I read in the book The Ragamuffin Gospel: “Christianity is not floating in a pink cloud of miracles!”

And in parallel, I think, the reason why people give up on Christianity is the same reason they give up on marriage or any relationship that started with the goal of lasting: 1. they have not defined a purpose and, 2. They did not calculate the cost to achieve this purpose.

At the beginning of a marriage, just as at the beginning of the walk with Jesus, everything can seem beautiful and easy. You are moved by the FEELINGS  this relationship gives to you. You put all YOUR expectations into this relationship, without asking enough reasonable questions.

When  the good sensations goes away and the feelings changes, when the difficulties begin to appear you realize: you entered into it for the WRONG REASONS and what seemed so incredible and interesting in the beginning, no longer has the same effect on you.

Many people seek Christianity as an escape, a magical resolution to their problems, to feel numbed by the feeling the idea of something new can provide. Resuming: is all about egocentric reasons (like most of relationships that doesn´t last).

Jesus himself said  we must calculate the cost of being his follower before we start. Like a man who must calculate if he will have enough money to finish the tower he wants to build, before start it! Otherwise he will quit, leaving the project unfinished and becoming a joke to everyone around.

This is what Christianity has become so many times: a mockery topic of discussion, a joke. Precisely because of those who entered in this endeavor without calculating the cost.

The real reason we should get on this boat is: Jesus and all he did for us. And if his life never was easy, why do we think ours will  be?

The happiness of being born again and becoming who God made us to be is unimaginable! As well as knowing that one day we will be with him, but no one said it would be easy, on the opposite, Jesus made it very clear: “Whoever wants to be my disciple must deny themselves and take up their cross and follow me.”