Dealing with our anger!

But he was pierced for our transgressions, he was crushed for our iniquities; the punishment that brought us peace was on him, and by his wounds we are healed.”

Hey friend! How are you doing?!

These past few days I have been involved in conversations about the same issue and today, I just listened a great podcast about the same subject, that clarified a lot of things for me. So, I decided to bring this topic up, because I know that its a issue for a lot of people out there! Anger.

Have you ever felt taken by this feeling with no reasonable explanation?!

I know that I have days when, with no reason or warning, I just wake up feeling something bubbling inside, a restlessness. And at some point, triggered by a tough or even a small but trick situation, I am confronted with this feeling: Anger. It is like a deep and bursting wave that just starts to rise. Itapparently happens with no good reason, but it is deep whitin!

At the weekend, I was talking about these episodes with my sister in law. We were seat at the table, just talking, and she was the one who brought it up:

– “You know those days when you just feel this anger deep inside and you don’t know the reason?!”

-“Yes, I answered, I can totally relate to it”. I certainly know the feeling. And it is not just the feeling, when you really analyze it, you are feeding thoughts that makes you feel this way. It is always the past, not the present.

And thinking about it, I found out that a lot of us, women, who were disappointed, abandoned or hurted in the past, can carry this feeling inside! We all have memories that hurts us or makes us feel angered and frustrated.

It is like a defense mechanism, that we’ve learned to use in the past to protect ourselves! We learned that, if we get angry(or agressive) enough, maybe we can scatter the threat away! If you dig deep enough, you will find out that anger usually comes from a place of fear!

Today, listening to this great podcast with Rosie Rivera, who wrote a book about it: “God is my defender” I could understand better from where this feeling comes from and why! There are a lot of wounded women out there, and this anger is just a reaction to all the trauma and pain!

Thank God there is healing available for us! God knows where we were wounded, He knows our traumas and He is not intimidated by it! We don’t need to feel shame or think we are hopeless, there is a renewing love in our path!

Jesus is the healer of our souls! Just surrender all your pain and anger to Him, He knows exactly what to do! He is the One who brings beauty from our ashes.

The first step is to recognize it and be honest with God! He already knows our hearts, but there is freedom when we start to face and confess our sins and struggles to Him! When we accept that we have a problem that only Him can fix, He is ready to help! And He is loving in all His ways!

Seeking for counseling or a support group, it is also a good option! If you have someone, spiritually mature that can help you, I would tell you to do it. People in your family or in your church, that may had the same battle in the past, could give you some good advices and support. That’s why we are the body of Christ!

I know I grew a lot and got healing from a great support group in the past! When we are brave enough to show our wounds and flaws, there is always space and opportunity to forgive ourselves and be transformed, by the power of the Holy Spirit! Don’t be afraid to talk about it!

We are all under a constant process of healing, renewing our identity in Christ!

There is no perfection on this earthly life, but we can choose to walk in freedom, surrendering all our fears and burdens to Jesus, just resting on His amazing love for us! His love never fails!

Just remember: Your healing journey happens when you are patient and honest with yourself! Just take one step at the time, don’t compare yourself to others. Compare yourself to who you were and celebrate who you are becoming!

 He said to her, “Daughter, your faith has healed you. Go in peace and be freed from your suffering.” (Mark 5:34)

There is no fear in love. But perfect love drives out fear, because fear has to do with punishment. The one who fears is not made perfect in love.” (1 John 4:18)

Lidando com a raiva!

Ei amigo! Como você está?!

Nos últimos dias, um tópico veio à tona através de conversas, reflexões e um podcast muito esclarecedor, que eu ouvi hoje sobre o mesmo assunto. Então eu decidi trazer esse assunto à tona, porque sei que é um problema para muita gente por aí: A raiva.

Você já se sentiu tomado(a) por esse sentimento sem uma explicação razoável?!

Eu sei que tenho dias em que, sem nenhum motivo ou aviso, eu acordo com esse sentimento borbulhando por dentro, uma inquietação. E em algum momento, desencadeado por uma situação difícil ou mesmo pequena, mas complicada, eu sou confrontada com este sentimento de raiva. Parece uma onda profunda e explosiva que começa a surgir. Isso, aparentemente, acontece sem um bom motivo, mas é bem real!

No fim de semana, eu estava conversando sobre esses episódios com minha cunhada. Nós estávamos na mesa e ela tocou no assunto:

– “Sabe aqueles dias em que você sente essa raiva por dentro e não sabe o motivo?!”

– “Sim, eu respondi, eu sei exatamento do que você tá falando”. Eu certamente conheço o sentimento. E não é apenas o sentimento, quando você realmente analisa a situação, você está alimentando pensamentos que a fazem se sentir assim. É sempre o passado, não o presente.

E pensando nisso, descobri que muitas de nós, mulheres, que fomos decepcionadas, abandonadas ou magoadas no passado, podemos carregar esse sentimento dentro de nós! Todas nós temos memórias que podem nos deixar magoadas ou nos sentindo com raiva e frustradas.

É como um mecanismo de defesa que aprendemos a usar no passado para nos proteger! Aprendemos que, se ficarmos com raiva (ou agressivas) o suficiente, talvez possamos espantar a ameaça! Se você cavar fundo o suficiente, descobrirá que a raiva geralmente vem de um lugar de medo!

Hoje, ouvindo este podcast com a Rosie Rivera , que escreveu um livro sobre isso: “Deus é meu defensor”, eu pude entender melhor de onde vem esse sentimento e por quê! Há muitas mulheres feridas por aí, e essa raiva é apenas uma reação a todo o trauma e a dor que sofremos!

Graças a Deus, há cura disponível para nós! Deus sabe onde fomos feridas, conhece os nossos traumas e não se intimida com isso! Não precisamos sentir vergonha ou pensar que não temos esperança, há um Amor renovador no nosso caminho!

Jesus é o médico das nossas almas! Apenas entregue toda a sua dor e raiva pra Ele, Ele sabe exatamente o que fazer! Jesus é aquele que transforma nossas cinzas em obra de arte!

O primeiro passo é reconhecer e ser honesto com Deus! Ele já conhece nossos corações, mas há liberdade quando começamos a enfrentar e confessar nossos pecados e lutas a Ele! Quando aceitamos que temos um problema que só Ele pode resolver, Ele está pronto para ajudar! E Ele é amoroso e gentil em todos os Seus caminhos!

Buscar aconselhamento ou um grupo de apoio também é uma boa opção! Se você tem alguém espiritualmente maduro que pode ajudá-lo, eu te encorajo a fazer isso. Pessoas na sua família ou na sua igreja, que podem ter tido a mesma batalha no passado, podem lhe dar alguns bons conselhos e apoio. É pra isso que somos o corpo de Cristo!

Eu sei que eu cresci muito e recebi cura através de um desses grupos de apoio, no passado! Quando somos corajosos o suficiente para mostrar nossas feridas e falhas, sempre há espaço e oportunidade para nos perdoarmos e sermos transformados pelo poder do Espírito Santo! Não tenha medo de falar sobre isso!

Estamos todos em constante processo de cura, renovando nossa identidade em Cristo!

Não há perfeição nesta vida terrena, mas podemos escolher caminhar em liberdade, entregando todos os nossos medos e fardos a Jesus, apenas descansando em Seu maravilhoso amor por nós! Seu amor nunca falha!

Lembre-se: A sua jornada de cura acontece quando você é paciente e honesta consigo mesma! Dê um passo de cada vez, não se compare com os outros. Compare-se com quem você era e celebre quem você está se tornando!

” Ele disse a ela: “Filha, sua fé a curou. Vá em paz e seja livre do seu sofrimento”. (Marcos 5:34)

Não há medo no amor. Mas o perfeito amor lança fora todo o medo, porque o medo tem a ver com punição. Aquele que teme não se aperfeiçoou no amor. ” ( 1 João 4:18 )


Chaotic life. Life under construction!

I already hated myself
For so much “yes” I already said, believing in the kindness of others.
I’ve ridiculed myself
For trying hard things that only a few people did.
I already crucified myself
For talking nonsense and talking too much at the wrong time.
I already longed for sick perfection
I’ve been bizarre, I rebeled and I’ve run away
I wanted to be you, her or him
I wanted to be everyone but me
In this chaotic life, I clung to the One who does not change
In the one who has no shadow of doubt
Who saw me take a walk on the street, behind my house, on a beautiful rainy day to see the sky!
I already hated myself
For so much “yes” I already said, believing in the kindness of others.
I’ve ridiculed myself
For trying hard things that only a few people did
I already crucified myself,
For talking nonsense and talking too much at the wrong time.
I already longed for sick perfection
I’ve been bizarre for rebellion and I’ve run away
I wanted to be you, her or him
I wanted to be everyone but me
In this chaotic life, I clung to the One who doesn’t change
In the one who has no shadow of doubt
Who saw me take a walk on the street, behind my house, on a beautiful rainy day to see the sky!
I cling to You
in the one that doesn’t change
And in the storm,
I dance in the rain I hold on to You
in the one that doesn’t change
and in the storm
i dance in the rain
Immutable, Strong Castle
Unshakable, you are my north! Immutable, Strong Castle
Unshakable, you are my north.” (Chaotic-Palankin)

Hey friend!

I posted this translated song that talks so much into my heart, just to remind you of that: No matter how chaotic your life or your mind may be right now, God still holds your life and future in the palm of his hands!

This song speaks to me a lot, and sometimes it even feels like it was custom-made!
I’ve hated myself for so many time, wishing I was born someone else, in another place, in another time!

How many times I fought (the idea of) God and against people around me, because the anger and fear was consuming me and I could not accept who I was or what I was going through! To be honest, I did not know who I was.

Rediscovering our identity in Christ is a slow and painful process. My God, how painful! But when you look back and see that you’re not the same person anymore, it’s also very rewarding! (It’s a relief!).

I remember thinking: I will never change, it’s impossible! Even knowing that I always wanted to be different: Lighter, more relaxed, more friendly.
I thought about give up many times, I ran away and hid for a long time, I was exhausted from so much disappointment!

At the middle of my chaos He saw me, He saw me in the cave. He was always there, with me, through the pain!

And I can tell you, no matter how long it takes, how many times you’re going to run away and think about giving it all up. The one who created you and chose you will continue to chase your heart, no matter where you hide! As He did with me.

Today, after all that painful process, I feel grateful! Grateful for surviving, for changing and become more mature, more like my true self!

I’ve learned to trust Him, to lose the insane fear of failing, of letting him down. He was never surprised by my mistakes. God always knew where I was going to fall, where I was going to go wrong! This truth gave me some relief!

I know the journey is long and the process is not over, but today I just want to bring to my mind what can give me hope: That He is faithful and merciful! That He will finish up in me (and in you) all the good work He began, from the moment He wove us in our mother’s womb!


“Lord, you probe me and you know me.
You know when I sit and when I get up;
from afar you perceive my thoughts.
You know very well when to work and when to rest;
all my ways are well known to you.
Even before the word reaches my tongue,
You already know her fully, Lord.
You surround me, back and forth, and lay your hand on me.
Such knowledge is too wonderful and beyond my reach; it is so high that I cannot reach it.
Where could I escape from your Spirit?
Where could I flee from your presence? If I ascend to heaven, there you are;
If I make my bed in the grave, you are there too.
If I soar on the wings of dawn and live at the edge of the sea,
even there your right hand will guide and sustain me.
Even if I say that darkness will overshadow me, and that light will become night around me, I will see that not even darkness is dark to you.
The night will shine like the day, for to you darkness is light.
You created the core of my being and wove me in my mother’s womb.
I praise you because you made me so special and admirable.
Your works are wonderful! I say this with conviction.
My bones were not hidden from you when I was secretly formed and woven as in the depths of the earth.
Your eyes have seen my embryo; all the days assigned to me were written in your book before any of them existed.
How precious are your thoughts to me, O God!
How great their sum is! If I counted them, they would be more than the grains of sand. If you finished counting them, I would still be with you.
Psalm 139:1-18 NIV

###########################

Vida caótica. Vida em construção!

Já me odiei
Por tanto “sim” que disse, acreditando em bondade alheia.
Eu já me ridicularizei
Por tentar coisas difíceis que só alguns faziam
Eu já me crucifiquei
Por falar besteira e falar demais em hora errada
Eu já quis perfeição doentia
Já fui bizarra por rebeldia e já fugi

Já quis ser você, ela ou ele
Já quis ser tudo, menos eu

Nessa caótica vida, me apeguei Naquele que não muda
Naquele que não tem sombra de dúvida
Que me viu dar uma volta na rua, atrás de casa
Num belo dia de chuva, p’ra ver o céu

Já me odiei
Por tanto “sim” que disse, acreditando em bondade alheia.
Eu já me ridicularizei
Por tentar coisas difíceis que só alguns faziam
Eu já me crucifiquei
Por falar besteira e falar demais em hora errada
Eu já quis perfeição doentia
Já fui bizarra por rebeldia e já fugi

Já quis ser você, ela ou ele
Já quis ser tudo, menos eu

Nessa caótica vida, me apeguei Naquele que não muda
Naquele que não tem sombra de dúvida
Que me viu dar uma volta na rua, atrás de casa
Num belo dia de chuva, p’ra ver o céu

Eu me apego em Ti
Naquele que não muda
E na tempestade,
Eu danço na chuvaEu me apego em Ti
Naquele que não muda
E na tempestade
Eu danço na chuva

Imutável, Castelo Forte
Inabalável, és o meu norteImutável, Castelo Forte
Inabalável, és o meu norteImutável, Castelo Forte
Inabalável, és o meu norteImutável, Castelo Forte
Inabalável, és o meu norte.” ( Caótica- Palankin)

Passando só pra te lembrar que, independentemente de quão caótica sua vida ou sua mente possam estar, Deus ainda segura sua vida e seu futuro na palma das mãos!Essa letra fala muito comigo e, às vezes, parece até que foi feita sob medida!

Eu já me odiei muitas vezes, desejando ter nascido outra pessoa, em outro lugar, em outros tempos!

Quantas vezes eu briguei com Deus e com as pessoas ao meu redor, porque a revolta e o medo me consumiam e eu não conseguia aceitar quem eu era e nem o que eu estava vivendo. Na verdade, eu não sabia quem eu era!

Redescobrir nossa identidade em Cristo é um processo lento e doloroso. Meu Deus, como é doloroso! Mas quando você olha pra trás e vê que você já não é mais a mesma, também é muito recompensador!( É um alívio!)

Eu me lembro de pensar que eu nunca conseguiria mudar, por mais que eu quisesse ser diferente: Mais leve, mais desencanada, mais amigável.

Eu quis desistir muitas vezes, eu fugi e me escondi por muito tempo, eu estava exausta de tanta decepção! Mas Ele me viu. Ele me encontrou na caverna. Ele sempre esteve ali, comigo em meio à dor!

E não importa quanto tempo demore, quantas vezes você vai fugir e pensar em desistir de tudo. Aquele que te criou e te escolheu vai continuar perseguindo seu coração, não importa aonde você se esconda! Assim como Ele me encontrou, Ele vai te encontrar.

Hoje eu me sinto grata! Grata por ter sobrevivido, por ter mudado e me tornado mais eu mesma!

Eu aprendi a confiar, a perder o medo insano de falhar, de decepcionar a Deus.

Ele nunca se surpreendeu com meus erros, Ele sempre soube aonde eu ia cair, onde eu ia errar! Essa verdade é libertadora.

Eu sei que a caminhada é longa e que o processo ainda não acabou, mas hoje eu só quero trazer à mente o que pode me trazer esperança: Que Ele é fiel e misericordioso e que Ele vai terminar em mim (e em você) toda boa obra que Ele começou, desde o momento em que nos teceu no ventre da nossa mãe!

Senhor, tu me sondas e me conheces. 
Sabes quando me sento e quando me levanto;
de longe percebes os meus pensamentos.
Sabes muito bem quando trabalho e quando descanso;
todos os meus caminhos são bem conhecidos por ti.
Antes mesmo que a palavra me chegue à língua,
tu já a conheces inteiramente, Senhor.
Tu me cercas, por trás e pela frente, e pões a tua mão sobre mim.
Tal conhecimento é maravilhoso demais e está além do meu alcance;             é tão elevado que não o posso atingir.
Para onde poderia eu escapar do teu Espírito?
Para onde poderia fugir da tua presença? Se eu subir aos céus, lá estás;
Se eu fizer a minha cama na sepultura , também lá estás.
Se eu subir com as asas da alvorada e morar na extremidade do mar,      
mesmo ali a tua mão direita me guiará e me susterá.
Mesmo que eu diga que as trevas me encobrirão, e que a luz se tornará noite ao meu redor, verei que nem as trevas são escuras para ti.
A noite brilhará como o dia, pois para ti as trevas são luz.
Tu criaste o íntimo do meu ser e me teceste no ventre de minha mãe.
Eu te louvo porque me fizeste de modo especial e admirável .
Tuas obras são maravilhosas! Digo isso com convicção.
Meus ossos não estavam escondidos de ti quando em secreto fui formado e entretecido como nas profundezas da terra.
Os teus olhos viram o meu embrião; todos os dias determinados para mim foram escritos no teu livro antes de qualquer deles existir.
Como são preciosos para mim os teus pensamentos, ó Deus!
Como é grande a soma deles! Se eu os contasse, seriam mais do que os grãos de areia. Se terminasse de contá-los, eu ainda estaria contigo.
Salmos 139:1‭-‬18 NVI

All the suffering is temporary!

Dear friends, do not be surprised at the fiery ordeal that has come on you to test you, as though something strange were happening to you. 13 But rejoice inasmuch as you participate in the sufferings of Christ, so that you may be overjoyed when his glory is revealed. 14 If you are insulted because of the name of Christ, you are blessed, for the Spirit of glory and of God rests on you.” (1Peter 4:12-14)

Hey you! How are you doing?

Today I want to bring up one of the most challenges topics in our daily lives: Suffering.

I don’t have any pretension to respond why we suffer in our lives, but instead, I want to help you understand that all the suffering we are facing these days has a purpose and it’s just for now. It not supposed to last forever!

This pandemic scenario brought a lot of challenges to us: Isolation, solitute, family issues and the hard task to learn how to deal with ourselves, since we have more time than ever, to look inside of us and face our fears and struggles more closely.

We can face our issues, in basicly, two ways: We can complain and feel sorry for ourselves, we can embrace discouragement and lost all the hope OR we can face it as a season of growth, a season when we have time to build strength and go deeper into our limitations, with a (great) help of God!

A lot of us are having to deal with battles that has to do not only with inner strugles, like solitute, depression or fear, but also, challenges that involves a lack of perspective, health or finances issues. It is not a easy task, I know.

However, thank God, we are not alone in this! Even if you think you have no one around you to help, you still have the HOPE that all of us can find in God! He knows you, He knows the struggles you are facing right now. He knows your pain and He is saying( if you dare to listen): I got you! all this pain it’s just for now, we can go through it, you gonna survive, just keep walking! Don’t surrender now.

Some days are harder than others, it’s natural. Some days we surrender to discouragement and pain more easily and, I think that is a normal condition of us. It is ok to be tired sometimes. But don’t get so confortable in this place, that you stop trying. Take some rest if you need to, than shake it off and keep going, you will find all the strength and hope you need in Him!

Remember: You can always ask for help! Don’t be ashamed to say that you are not ok. I believe that,all of us has someone that really cares, even if it’s just one person! Call a friend, a family member or even a random person that could just listen to you. Don’t surrender to isolation and pain, you can do it!

Like Peter said in his letter, “remember that your brothers and sisters, all over the world are facing the same battles than you“( or even worse), you are not the alone on this. So, if they can pull it through, so can you! Keep believing in better days, it is not the end! “And the God of all grace, who called you to his eternal glory in Christ, after you have suffered a little while, will himself restore you and make you strong, firm and steadfast.” Hold on into this promise!

Put your armor on, my friend, and keep fighting! We are all together on this! Have a nice weekend!

 “Humble yourselves, therefore, under God’s mighty hand, that he may lift you up in due time.  Cast all your anxiety on him because he cares for you. Be alert and of sober mind. Your enemy the devil prowls around like a roaring lion looking for someone to devour.  Resist him, standing firm in the faith, because you know that the family of believers throughout the world is undergoing the same kind of sufferings.And the God of all grace, who called you to his eternal glory in Christ, after you have suffered a little while, will himself restore you and make you strong, firm and steadfast.  To him be the power for ever and ever. Amen!”

**********************************************************

Todo sofrimento é por enquanto!

Caros amigos, não se surpreendam com a terrível provação que veio sobre vocês para testá-los, como se algo estranho estivesse acontecendo com vocês. 13 Mas regozije-se por participar dos sofrimentos de Cristo, para que se alegre quando a sua glória for revelada. 14 Se você é insultado por causa do nome de Cristo, você é bendito, porque o Espírito da glória e de Deus repousa sobre você. “ (1 Pedro 4: 12-14)

Ei você! Como estão as coisas por aí?!

Hoje quero trazer à tona um dos tópicos mais desafiadores da nossa vida diária: O sofrimento.

Não tenho qualquer pretensão de responder por que sofremos em nossas vidas, mas em vez disso, quero ajudá-lo a compreender que todo o sofrimento que enfrentamos hoje tem um propósito e é por enquanto. Não vai durar para sempre!

Este cenário pandêmico trouxe muitos desafios para nós: isolamento, solidão, questões familiares e a difícil tarefa de aprender a lidar com nós mesmos, já que temos mais tempo do que nunca, para olhar para dentro de nós e enfrentar nossos medos e limitações mais de perto.

Podemos enfrentar nossos problemas basicamente de duas maneiras: Podemos reclamar e sentir pena de nós mesmos, podemos abraçar o desânimo e perder toda a esperança OU podemos encará-lo como uma temporada de crescimento, uma época em que temos tempo para construir força, resiliência e nos aprofundar em nossas questões com a (grande) ajuda de Deus!

Muitos de nós precisamos lidar com batalhas que têm a ver não apenas com lutas internas, como solidão, depressão ou medo, mas também com desafios que envolvem falta de perspectiva, questões de saúde ou finanças. Não é uma tarefa fácil, eu sei.

No entanto, graças a Deus, não estamos sozinhos nisso! Mesmo que você pense que não tem ninguém por perto para ajudar, você ainda tem a ESPERANÇA que todos nós podemos encontrar em Deus! Ele conhece você, conhece as lutas que você está enfrentando agora. Ele conhece a sua dor e está dizendo (se você ousar ouvir): Eu estou com você! toda essa dor é por enquanto, nós podemos passar por isso, você vai sobreviver, apenas continue andando! Não se renda agora.

Alguns dias são mais difíceis do que outros, isso é natural. Alguns dias rendemo-nos mais facilmente ao desânimo e à dor e, eu penso que é uma condição normal da nossa parte. É normal ficar cansado às vezes. Mas não fique tão confortável neste lugar a ponto de parar de tentar. Descanse um pouco se precisar, mas depois sacuda a poeira e siga em frente, você encontrará em Deus toda a força e esperança de que precisa pra continuar!

Lembre-se: Você sempre pode pedir ajuda! Não tenha vergonha de dizer que você não está bem. Acredito que todos nós temos alguém que realmente se importa, mesmo que seja apenas uma pessoa! Ligue para um amigo, alguém da sua família ou até mesmo uma pessoa aleatória que possa apenas ouvi-lo. Não se entregue ao isolamento e à dor, você pode superar isso!

Como Pedro disse em sua carta, lembre-se de que seus irmãos e irmãs em todo o mundo estão enfrentando as mesmas batalhas que você (ou pior ainda), você não é o único . Então, se eles podem vencer, você também pode! Continue acreditando em épocas melhores, esse não é o fim. “E o Deus de toda graça, que te chamou para a sua glória eterna em Cristo, depois de você ter sofrido um pouco, ele mesmo irá restaurá-lo e torná-lo forte, firme e constante.” Segure-se nessa promessa!

Coloque sua armadura, meu amigo, e continue lutando! Estamos todos juntos nessa! Tenha um bom fim de semana!

“Humilhe-se, portanto, sob a poderosa mão de Deus, para que ele possa levantá-lo no devido tempo. Lance sobre ele toda a sua ansiedade, porque ele se preocupa com você. Esteja alerta e tenha a mente sóbria. Seu inimigo, o diabo, ronda como um leão que ruge procurando alguém para devorar. Resista a ele, permanecendo firme a fé, porque você sabe que a família dos crentes em todo o mundo está passando pelo mesmo tipo de sofrimentos. E o Deus de toda graça, que te chamou para a sua glória eterna em Cristo, depois de você ter sofrido um pouco, ele mesmo restaurará você e torná-lo forte, firme e constante.

“Não posso te ver,mas sei quem Tu és…muda minha vida,meus dias são Teus…”

(Medo X Chamado):

Uma passagem da bíblia que sempre mexe comigo é Jeremias 1:5-7:

 “Antes de formá-lo no ventre eu o escolhi;antes de você nascer, eu o separei e o designei profeta às nações”. Mas eu disse: Ah, Soberano Senhor! Eu não sei falar, pois ainda sou muito jovem.O Senhor, porém, me disse: “Não diga que é muito jovem. A todos a quem eu o enviar, você irá e dirá tudo o que eu ordenar a você.”

Acho que assim como Jeremias, que estava claramente amedrontado e em dúvida quanto a sua capacidade de exercer algum trabalho em nome do Senhor, nós nos sentimos intimidados pelos desafios, quando o Senhor nos chama pra Sua obra.

Eu ,particularmente, sempre penso “Eu, Jesus?! Tem certeza? Eu não sei falar em público, não tenho muitas habilidades sociais ou conhecimentos teológicos. Eu não sou ninguém”.

É muito difícil pararmos de olhar para nossas limitações e olhar só para o poder de Jesus! Parece loucura ignorar todas as nossas dificuldades e a voz que continua a falar na nossa cabeça “ você nunca vai conseguir!”, e nós sabemos bem de quem é essa voz.

Por que é tão difícil dar passos de fé e simplesmente confiar?

Esquecemos que Deus não faz nada sem propósito e que Ele já tem tudo planejado, nós só devemos confiar e seguir o plano. Estamos do lado Daquele que não pode falhar.

Quando eu olho pros grandes “heróis da bíblia”, eu claramente vejo homens e mulheres comuns, limitados e sem nada de muito especial. Vamos explorar alguns exemplos além de Jeremias (conhecido,entre as más línguas,como o profeta chorão rs):

Moisés, fugitivo e assassino, já estava com 80 anos quando o Senhor o chamou para libertar Israel, e sua resposta imediata foi: “Senhor, nunca tive facilidade de falar,nem no passado nem agora, que falaste ao teu servo.Não consigo falar bem” e logo em seguida “Ah Senhor, peço que envie outra pessoa” (êxodo 4:10-13). Isso foi logo depois que Deus mostrou as maravilhas que ele realizaria na frente do faraó com seu cajado, Moisés VIU o poder de Deus antes de ser enviado e mesmo assim temeu, não porque não acreditava no que Deus era capaz de fazer, mas porque não confiava em si mesmo e em suas habilidades. Alguém mais, se identifica?!

Ester, uma judia pobre e supostamente sem nenhum talento especial, foi coroada rainha e se tornou a preferida do rei. Mesmo assim, temeu quando Mardoqueu contou a ela sobre o plano de Hamã de exterminar todos os judeus, e pediu que ela intercedesse junto ao rei Xerxes. Embora tenha aceitado a missão, ela jejuou e orou por 3 dias antes de entrar na presença do rei, e ainda ofereceu dois banquetes antes de fazer o seu pedido de misericórdia, com medo de ser morta (Ester 4:10-16). Acredito que, esse medo se devia ao fato de Ester não se enxergar digna ou especial para merecer um favor mas, o rei a amava e foi bondoso com ela e seu povo.Mesmo que esse livro não cite uma única vez o nome de Deus, sabemos ao ler a história que, Ester não se tornou rainha por acaso, mas que ela ganhou o coração do rei através de um favor de DEUS, que queria libertar os judeus através da vida dela. Isso exigiu coragem e um passo de fé, ela teve que confiar Nele.

Gideão, considerado(por si mesmo) como: o menor de sua família e pertencente ao clã menos importante de Manassés. Foi chamado por Deus para libertar Israel das mãos de Midiã. Ele teve uma longa conversa com Deus, recebeu a visita de um anjo e pediu várias confirmações antes de sair para a batalha.(lã molhada, chão seco. Chão molhado, lã seca) E mesmo assim, temeu, principalmente quando o Senhor disse que ele tinha homens demais para guerrear e deveria ir apenas com os homens que bebessem da fonte levando a água com as mãos até a boca, ou seja, somente 300 homens, de acordo com Juízes 7:5-7. E após seguir todas as ordens de Deus, Gideão ainda teve que receber mais uma confirmação,para se sentir confiante. Desceu até o acampamento do exército inimigo e ouviu o sonho de um dos homens, que dizia que Deus já tinha entregado o exército de Midiã nas suas mãos. Só então, ele se sentiu confiante o suficiente para descer com o exército e atacar, saindo vitorioso.

Daria para continuar com uma lista infinita aqui, dos heróis inseguros(e completamente falhos): Pedro, que negou Jesus 3 vezes, por medo de ser morto e depois se arrependeu, ajudando a firmar a igreja em Atos. Paulo, que era um perseguidor e assassino de cristãos e tinha o tal “espinho na carne”, mas que seguiu edificando as igrejas e pregando o evangelho, conforme Deus o ordenava. E, sem falar das mulheres que andavam com Jesus e sustentavam seu ministério (entre elas: ex-endemoniada(Maria Madalena), mulher de um oficial de Herodes(Joana),dentre outras. Lucas 8:2-3). Elas eram apenas pessoas comuns, que acreditaram no poder de Deus e decidiram dar um passo de fé, ignorando a opinião alheia e seus temores.

Resumindo(texto grande, eu sei…), todos os que foram chamados por Deus e depois, por Jesus,a partir do novo testamento, eram pessoas comuns, falhas e pecadoras, muitas vezes rejeitadas aos olhos dos que as cercavam e sem qualquer privilégio (com algumas exceções). Elas só se tornaram “grandes” diante de Deus porque confiaram e venceram o medo! Elas acreditaram na força e soberania Daquele que as chamou para trilhar uma difícil e louca aventura. E escreveram história.

Eu oro todos os dias para que Deus permita que eu seja uma delas(e me tire da minha zona de conforto). E quanto a você?vai continuar sendo figurante, ou vai se candidatar a protagonista da história de amor mais incrível de todas?!