Identity(crisis) and bad experiences: What makes us who we are?

Trust in the Lord with all your heart
    and lean not on your own understanding;
 in all your ways submit to him,
    and he will make your paths straight.
” Proverbs 3:5-6

Hey Guys!

Today I want to share a little bit about identity and struggles that surround it, wich I had face for a long time in my life!

However, in some point, I finally found who I really was! ( Well, to be honest, I am still on this journey! lol).

I want to start telling you something that will, problably, sound like a cliche but it’s true: YOU ARE NOT what people had done to you, you are not the way you feel about yourself and ,definetely, you are not just a result of your bad experiences!

Today I read a history about a girl who decided to become a transgender and, after a while, she regreted!

I have heard a lot about those cases lately, people who THOUGHT that would be a great idea to change their gender, because their were CONFUSED and facing difficult identities’ and sexual issues.

Read this kind of stuff makes me sad, cause this generation are confused, depressed and most of time, LOST. They don’t know what they are doing, most of time!

But, to be fair, I am here to talk about me and my own experiences.

There was a time, when I thought I was the result of all my worst experiences in life, I built my identity on that. I felt angry, lonely and hopeless!

I was so tired of being disappointed by people and myself that one day, I decided I WOULD NOT CARE ABOUT ANYTHING.

I grew up in a complicated family. My mom was too young when she had me and my brother. Moreover, we were(my brother and I) raised by our stepfather, who had another son with my mon so, we were three brothers.

We used to move a lot from city and school, and we faced a lot of money issues along the way. But I think, the most problematic thing for me was that I did not felt loved by my parents when I was a child.

My stepfather did what he could to keep us save and take care of us, but like my mom he was just too young and inexperienced; But also, he was very dictatorial and did not knew how to show kindness and love to us.

So, when I grew up and became a teenager, no surprises, I rebeled. I stopped of trying to get some love and approval from my parents.

I quit church, because I thought that God was just(dictatorial) like my stepfather (who, by the way, I always called ‘father’, cause he raised me) and I decided to live by my own “rules”.

Those rules was basically: I didn’t trust anyone and I didn’t care about anything. I thought people were all the same, that I was by myself on this world.

Long story short, I lived for several years, a life of bitterness, resentment and loneliness. Only because I believed for so long that I was just a victim (and sometimes a “bad fruit”) and there was no other way to live.

I couldn’t love or trust anyone.

So, when I see people making bad decisions, based on false beliefs or on their wounds, wich it’s closely related to their identity, my heart hurts!

WE ARE NOT the confusion inside our heads, we can not decide anything based on our broken heart. That it’s a big mistake!

We can decide to think differently, looking beyond the situations of life!

However, what the world is telling to this broken and young generation is kind the opposite: “Do what you THINK will make you happy, FOLLOW YOUR HEART, believe in your feelings!”

That is a HUGE LIE! If you were not loved, if you did not learned what it’s care and trust, how can you base your decisions on what you are feeling or what you think about yourself at this point?

Don’t think that things will never change, cause it will! Your mind will change in a few years, your tastes will also change and you gonna experience better times and thoughts!

I can tell by my own life experience: The worst situations in our lives don’t last forever, there are people in our life that actually CARE ABOUT US; And most important: THERE IS A BETTER WAY!

You are made by a loving God, a father, who cares about you and who are waiting for a chance to CHANGE YOUR HISTORY for good. You just need to ASK FOR HELP!

So, no matter what kind of confusion or struggling you are facing in your life right now, don’t take any “permanent” decision that you would regret later! Just take a deep breath and be brave!

Better times are coming!

For I know the plans I have for you,” declares the Lord, “plans to prosper you and not to harm you, plans to give you hope and a future. 1Then you will call on me and come and pray to me, and I will listen to you. 13 You will seek me and find me when you seek me with all your heart. ” Jeremiah 29:11-13

****************************************************************

Identidade e más experiências> O que nos torna o que somos?!

Ei, pessoal!


Hoje quero compartilhar um pouco sobre identidade. Incluindo as lutas que enfrentei a vida toda, até descobrir quem realmente era! (Bom, para ser sincera, ainda estou nessa jornada rs).

Quero começar dizendo algo que, aparentemente, soa como um clichê, mas que é real: Você não é o que as pessoas fizeram com você; você não é os SEUS SENTIMENTOS sobre si mesmo e, definitivamente, você não é apenas o resultado de suas más experiências!

Hoje eu li um artigo sobre uma garota que decidiu se tornar uma transexual e depois de um tempo, se arrependeu!


Ultimamente, eu tenho lido muito sobre esses casos, pessoas que PENSARAM que seria uma ótima ideia mudar seu gênero(e sua identidade), porque estavam confusas e enfrentavam problemas identitários e sexuais difíceis.

Ler esse tipo de coisa me deixa triste, porque eu vejo que essa geração está confusa, deprimida e na maioria das vezes, perdidas! Simplesmente não sabem o que estão fazendo!

Mas, para ser justa, estou aqui para falar sobre mim e minhas próprias experiências.

Houve um tempo em que pensei que eu era o resultado de todas as minhas piores experiências na vida e construí minha identidade com base nisso. Eu sentia muita raiva, solidão e não tinha nenhuma esperança!

Eu estava tão cansada de ser desapontada pelas pessoas e por mim mesma que decidi que não me importaria mais com nada.

Eu cresci em uma família complicada, sabe. Minha mãe era muito jovem quando engravidou de mim e do meu irmão. Além disso, nós fomos (meu irmão e eu), durante a maior parte de nossas vidas, criados por nosso padrasto, que teve outro filho com minha mãe, então éramos três irmãos.

A gente mudava muito de cidade e de escola, e enfrentamos muitos problemas financeiros ao longo do caminho. Mas acho que a coisa mais problemática para mim foi que eu não me sentia amada por meus pais quando criança.

Meu padrasto fez o que pôde para nos manter a salvos e cuidar de nós, mas como minha mãe, ele era muito jovem e inexperiente, mas também era muito ditatorial e não sabia como demonstrar bondade e gentileza

Então, quando eu cresci e me tornei adolescente, sem nenhuma surpresa, eu me rebelei. Eu parei de tentar obter algum amor e aprovação de meus pais.

Saí da igreja porque eu pensava que Deus era (ditatorial) como meu padrasto (que, aliás, eu sempre chamei de ‘pai’, porque ele me criou) e decidi viver de acordo com minhas próprias “regras”.

Essas regras eram basicamente: eu não confiava em ninguém e não me importava com nada. Eu pensava que as pessoas eram todas iguais, que eu estava sozinha neste mundo.

Resumindo a história, eu vivi por vários anos, uma vida de amargura, ressentimento e solidão. Só porque eu acreditei por muito tempo que eu era apenas uma vítima (e às vezes uma “fruta podre”) e não havia outra maneira de viver.

Eu não conseguia amar ou confiar em ninguém.

Então, quando vejo pessoas tomando más decisões com base em falsas crenças ou em suas feridas, que estão intimamente relacionadas à sua identidade, meu coração dói!

Nós não somos a confusão dentro de nossas cabeças, não podemos decidir nada com base em nosso coração partido. Isso é um grande erro!

Nós podemos decidir pensar de maneira diferente , enxergando além das situações da vida!

No entanto, o que o mundo está dizendo a essa geração jovem e deprimida é exatamente o oposto: “Faça o que você acha que te faz feliz, siga seu coração, acredite nos seus sentimentos!”

Essa é uma grande mentira! Se você não foi amado, se não aprendeu o que é cuidado e confiança, como pode basear suas decisões no que está sentindo ou no que pensa sobre si mesmo?

Não pense que as coisas nunca vão mudar, porque elas mudam! Sua mente mudará em alguns anos, seu gosto também mudará e você experimentará tempos melhores!

Eu posso dizer pela minha própria experiência de vida: As piores situações em nossas vidas não duram para sempre, há pessoas em nossa vida que realmente se importam; E o mais importante: HÁ sempre um caminho MELHOR!

Você foi feito por um Deus amoroso, um pai, que se importa com você e que está esperando por uma chance de MUDAR SUA HISTÓRIA de uma vez por todas. Você só precisa pedir!

Portanto, não importa que tipo de confusão ou dificuldade você esteja enfrentando agora, não tome nenhuma decisão “permanente”, da qual você poderá se arrepender mais tarde! Respire fundo e seja corajoso!

Tempos melhores estão chegando!

Porque eu sei os planos que tenho para vocês”, declara o Senhor, “planos de fazê-los prosperar e não de prejudicá-los, planos para dar-lhes esperança e um futuro. 2 Então vocês vão chamar e vir e orar para mim, e eu vou ouvi-los. 13 Vocês vão me procurar e me encontrarão quando me procurarem com todo o coração.” Jeremias 29: 11-13

Publicado por

The found daughter!

Brazilian woman, crazy about good music,nature and books =) I love to write since I remeber! My passion grows stronger as a walk through this crazy adventure with Jesus, my Lord and savior, redeemer and best friend! =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s